sexta-feira, setembro 24, 2010

Rainhas do Lar


Rainha do lar me lembra o naipe de Ouros com toda a sua exuberância, produtividade, as comidinhas feitas com apuro, a casa bem arrumada e bem clara. Mas também tem um quê de disciplina, organização, argumentação na hora de barganhar na feira que me faz pensar em Espadas. E a criatividade em inventar brincadeiras, transformar os brinquedos dos filhos, do naipe de Paus. E os momentos em que ela não fala nada, só escuta e ainda em silêncio, geralmente com um sorriso enigmático, faz exatamente aquilo que desejamos, bem Copas.

Eu acreditava ser uma Rainha de Ouros misturada com Espadas, mas ultimamente Copas tem sido bem mais forte.
Minha casa está se transformando sempre, de acordo com meu humor. Muitas vezes me vejo absorta, a pia cheia de louça pra lavar, teias de aranha nos cantos da parede... Uma Rainha de Ouros não suportaria isto!
Assim que comecei a estudar os Arcanos Menores fiquei com certa implicância com a Rainha de Copas, achava tudo ligado a este naipe "sentimentalóide". Assim, condicionei minha Rainha de Copas a uma mulher frágil, sempre se escondendo atrás de um homem. Minha implicância com ela diminuiu quando ganhei o Tarô Mitológico no qual ela é representada por Helena, a mulher enigmática que faz o que quer, mas sempre dando a impressão que é levada, dominada, quando na realidade é bem o contrário.
Ela parece que vive em dois mundos, o terreno e outro só dela, difícil de compreender.
A minha Rainha é a de Copas, só agora admito isto. Decks de tarô espalhados pela sala e eu escrevendo sobre tarô no computador. :)

2 comentários:

Pietra disse...

Helena é quem move ondas em torno de nações... acho que uma Rainha de Copas é isso... a ponto de ser mt água para o caminhãozinho de mt homem...

Gemini disse...

Ótima expressão:"muita água para o caminhãozinho de muito homem", rs rs rs. É bem isso mesmo!